Evangelismo com Sites

A palavra site em inglês tem exatamente o mesmo significado de sítio em português, pois ambas derivam do latim situs ("lugar demarcado, local, posição") e primariamente, designa qualquer lugar ou local delimitado.

Em inglês, surgiu o termo website (às vezes web site) para designar um sítio virtual, um conjunto de páginas virtualmente localizado em algum ponto da Web. Em poucos anos de uso, o termo website ganhou a forma abreviada de site.

Dicas: 

1. Abordar um tema específico ou em sua forma ampla chamada de Portal, disponibilizar assuntos diversos. Use ferramentas diversas através de textos, áudios e vídeos. Escolha sua abrangência, mas delimite-a, de acordo com a capacidade de materiais que serão publicados. O internauta aprecia sites atualizados.
2. Precisa ser interativo, para que os internautas encontrem maneiras de se comunicar a fim de sanar dúvidas ou fazer sugestões. Crie áreas de enquetes e espaço para comentários.
3. Nomeie pessoas para ajudar na sua construção e manutenção. O “Web Designer” cuidará do aspecto visual. O “Webmaster”, da linguagem de programação e, geralmente, da publicação do conteúdo que será disponibilizado pelo administrador ou editor geral.
4. Será avaliado por seu grau de relevância e forma de escrita. Tenha cuidado com o bom uso da gramatica. Não use termos pejorativos e gírias. A linguagem coloquial é usada porque o internauta não tem tempo para formalidades; mas tenha cuidado com excessos.
5. Disponibilize estudos bíblicos, vídeos de palestras, sermões e apresentações musicais.
6. Divulgue links de referências ou banners de outros sites e blogs denominacionais.

Próxima dica: Evangelismo através de Blogs

Pr. Fabio

1 comentários:

BOAS DICAS, ESTOU PRODUZINDO O SITE PARA MINHA IGREJA, E APRENDI MUITO... PARABENS!!!

Postar um comentário